Banner Grande Aprendiz 28/06/2019
Banner grande Unipac

Polo Vertentes realiza Encontro Regional – 2019

Foto: Via Real

No dia 31 de maio, reuniram-se os alunos e coordenadores do Parlamento Jovem das cidades de Alfredo Vasconcelos, Barbacena, Capela Nova, Carandaí, Conceição da Barra de Minas, Ressaquinha, Senhora dos Remédios e Piedade do Rio Grande.
A mesa de honra foi composta pelo presidente da Câmara Municipal de Carandaí, Naamã Niel, a presidente da Câmara Municipal de Alfredo Vasconcelos, Nirléia Milagres, e a coordenadora do PJ de Senhora dos Remédios, Marília Araújo, que fizeram um discurso sobre o projeto.
Iniciando as apresentações, as alunas participantes do PJ de Capela Nova, Emilaine de Souza Dias, Isabela Cristina e Renata Fernanda, realizaram uma apresentação musical: Olhos Coloridos (Sandra de Sá).
A palavra foi passada para Simone de Assis, Mestranda em História pela UFSJ (Universidade Federal de São João del-Rei), com a Palestra: “Voz do Atlântico Negro: ecos da luta antirracista, pela cidadania e igualdade de existência”.
Em seguida, Simony dos Remédios Dornelas Santos, Assistente Social no CRAS de Senhora dos Remédios, conversou sobre as Desigualdades Socioeconômicas, subtema 01 da edição.
Após o lanche, Zilvan Lima, Bacharel em Teatro pela UFSJ (Universidade Federal de São João del-Rei) e ativista de movimentos e manifestações culturais de matriz africana, apresentou a cena teatral Causos Enredados: “Um vendedor de redes que perambula pelo mundo contando as suas histórias compartilha sua vivência com poesia, alegria, cantos e contos”, em seguida conversou sobre os Direitos às Identidades e às Diversidades Culturais, subtema 03 da edição.
Encerrando, Rosana Machado de Souza, Professora no IF de São João del-Rei, juntamente com Zilvan Lima apresentaram a cena teatral DeElaeEle: “Num mundo marcado pela dualidade Ele e Ela coexistem, se completam, se interceptam”. Ele força e vigor, Ela suavidade. Ele luz e amor, Ela ausência e distância. Ele voz, Ela melodia. Ele negro e resistência, Ela se veste de branco, entre a submissão e a resiliência. Corpos Negros e seus conflitos acentuados pela necessidade de reafirmação e reconhecimento. Logo após a professora Rosana Machado e o pedagogo Diogo Pereira Matos, do IF de SJDR, conversaram sobre as Violências por motivo étnico-racial, subtema 02 da edição.
Os jovens a partir de agora começam a se preparar para a realização das plenárias municipais, onde serão votadas as propostas que seguirão para a etapa regional que acontecerá em agosto.

Banner Grande Podologia 1
Banner Aplicação

Os comentários estão desativados.